As noticias e comentários do dia a dia de uma pequena aldeia da freguesia de Aldeia das Dez no concelho de Oliveira do Hospital.

.Novas noticias

. Nevoeiro de verão

. O CHEIRO DA SERRA

. SÓ DIGO A VERDADE

. PUREZA DE ESPIRITO

. RIO ALVA

. GOULINHO ESTÁ MAIS ...

. MONTE DO COLCURINHO

. FALSOS CRENTES

. ALDEIA DAS DEZ É LIN...

. GOULINHO --- REQUALIF...

. RECORDAR É VIVER

. AMAR A VIDA

. SENHORA DAS PRECES

. TOPONIMIA NO GOULINHO

. GENTE DO POVO

. A MINHA APRESENTAÇÃO

. O QUE SERÁ DO MEU GO...

. RECADOS

. ERICA VULGARES-----URZE

. MARCHA DO GOULINHO

.arquivos

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

Quarta-feira, 1 de Julho de 2009

Romaria de Nossa Senhora das Preces - 4 e 5 de Julho

Mais um ano passou e de novo ai temos a Romaria de Nossa Senhora das Preces já nos próximos dias 4 e 5 de Julho conforme o programa apresentado.

Hoje a Romaria já não tem a visibilidade que tinha no passado, onde todos os caminhos debitavam gente para este belo Santuário. Bem sabemos que os tempos hoje são outros, já não vimos os montes coloridos de gente alegre com os seus fatos garridos com cestos da merenda à cabeça cantado seus cânticos ao som de guitarras e concertinas a entoarem nos montes… Nos tempos que já lá vão os romeiros nos caminho era como um carreiro de formigas! Uns vinham motivados pela fé, outros vinham com a ideia do divertimento… Nesses tempos era tradição um grande arraial, com bailaricos e grandes desgarradas, os carrinhos de choque, carrosséis, enfim muito divertimento.
 
Os Romeiros hoje já não se deslocam a pé… Vêm em modernos autocarros ou no seu transporte próprio salvo alguém que em cumprimento de alguma promessa se desloque a pé.
Hoje a festa já não tem tanto entusiasmo relativo à parte profana, hoje a romaria é mais voltada para o religioso embora a na noite de 4 para 5 seja abrilhantada por um belíssimo conjunto que se espera venha a alegrar os visitantes pela noite dentro.
Há quem nestes dias suba ao monte do Colorindo (chamado também de Monte Miradouro) a pé, normalmente em grupo uns em cumprimento de promessas à Nossa Senhora das Necessidades outros porque é tradição lá ir ver nascer o sol e certamente que outros o fazem de carro.
 
Há quem chame a Nossa Senhora das Necessidades também Senhora das Preces, devido à lenda que diz andarem ali uns pastores a apascentar os seus rebanhos e terem encontrado uma imagem de Nossa Senhora que logo trouxeram para o povoado mais próximo que era o Vale de Maceira. Só que no dia seguinte a imagem já não estava no local onde tinha sido colocada, a mesma tinha desaparecido sendo de novo encontrada no mesmo local onde os pastores a tinham anteriormente encontrado isto repetiu-se por mais duas ou três vezes o que levou o povo a deduzir que Nossa Senhora queria era ser venerada lá no monte. Como tal decidiram construir no monte uma pequena capela  e mais tarde foi feita uma maior, que há alguns anos atrás foi devorada por um violento incêndio, sendo depois reconstruída pela Irmandade de Nossa das Preces com as ajudas dos crentes da região e de algumas terras distantes. Hoje a actual capela dedicada a Nossa Senhora das Necessidades é visitada anualmente por largas centenas de crentes.
 
Segundo a história o santuário nasce no Vale de Maceira pelo difícil acesso ao Monte do Colcurinho, uma vez que naquele tempo o acesso ao monte era muito difícil pois era feito por caminhos de cabras, nem caminhos florestais havia na época. Então o povo deitou mão à obra e construíram uma capela pequena que se pensa ser hoje onde está o altar da Senhora da Boa Morte na actual igreja. O Santuário foi adquirindo dimensão consoante as necessidades e as receitas deixadas pelos crentes.
Há quem questione o porquê do nome de Preces, este tem a ver com a fé das pessoas aqui a virgem Mãe e Mãe de Jesus é chamada de Preces noutras terras é Senhora da Saúde ou Senhora do Amparo ou Senhora do Rosário noutras será a Senhora do Bom Parto como nós crentes sabemos a Senhora é sempre a mesma, é a nossa Mãe do Céu, Mãe de Jesus, Nossa Mãe que a todos espera  receber de braços abertos neste seu Santuário que é a sua casa e a nossa casa. O MAIS BELO SANTUÁRIO MARIANO DAS BEIRAS!
 
Programa:
 

4 de Julho (Sábado):

 

17h-19h - Confissões

21h45 - Missa

22h - Via Sacra

23h - Arraial com o conjunto Tecloviola

24h - Fecho da Igreja

 

5 de Julho (Domingo)

 

7h - Abertura da Igreja

9h15 - Missa

11h - Missa Campal

16h - Terço

16h30 - Procissão

 

 

 

 

publicado por vozdogoulinho às 14:30
link do post | favorito
De Rosa a 1 de Julho de 2012 às 10:22
QUANDO E A NOSSA SENHORA DAS PRECES
quero ir comprir uma promesa
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.links

.as minhas fotos

blogs SAPO

.subscrever feeds