As noticias e comentários do dia a dia de uma pequena aldeia da freguesia de Aldeia das Dez no concelho de Oliveira do Hospital.

.Novas noticias

. Nevoeiro de verão

. O CHEIRO DA SERRA

. SÓ DIGO A VERDADE

. PUREZA DE ESPIRITO

. RIO ALVA

. GOULINHO ESTÁ MAIS ...

. MONTE DO COLCURINHO

. FALSOS CRENTES

. ALDEIA DAS DEZ É LIN...

. GOULINHO --- REQUALIF...

. RECORDAR É VIVER

. AMAR A VIDA

. SENHORA DAS PRECES

. TOPONIMIA NO GOULINHO

. GENTE DO POVO

. A MINHA APRESENTAÇÃO

. O QUE SERÁ DO MEU GO...

. RECADOS

. ERICA VULGARES-----URZE

. MARCHA DO GOULINHO

.arquivos

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

Segunda-feira, 19 de Março de 2012

TOPONIMIA NO GOULINHO

 

A  toponímia  chegou

Veio  mas  muito  atrasada

Para  os  olhos  de  quem  vê

Está  uma  grande  trapalhada

O  que  vi  eu  vou  contar

E  aqui  eu  vou  escrever

Se  não  quer  acreditar

O  melhor  é vir  cá  ver

Há  placas  colocadas

A  dois  metros  de  altura

Há   outras  quase  no  chão

Mas  que  grande  diabrura

As  ruas  tem  principio

Também  devem  ter  um  fim

Mas  aqui  no  meu  Goulinho

Meus  amigos  não  é  assim

A  rua  do  comendador

No  Goulinho  é  a  primeira

Vai da entrada do Goulinho

Acaba  no  Vale  de  Maceira

E  Rua  do  Outeiro

Esta   até  tem  muita  graça

Começa  no  meu   Outeiro

Vai  acabar  na  Gramaça

A  rua  da  Associação

Até  me  ajuda  na  rima

Quem  olha  para  a  placa

Não  sabe  se  é  a  rua  de  baixo,

Se  é  a  rua  de  cima

A  rua  dos  Sapateiros

Não  tem  principio  nem  fim

A  placa  está  ao  meio

No  Goulinho  é  assim

E  a  rua  dos  Moinhos

Uma  rua  para  enganar

Quem  passar  neste  caminho

Moinho  não  vai encontrar

Não  sei  quem  é  responsável

Desta   coisa   imperfeita

Mas  ainda  estão  a  tempo

Da  coisa  sair  bem  feita

Ruas  só  com  uma  placa?

Não  deve  de  ser  assim!

Se  elas  tem  principio

Também  devem  ter  um  fim

Não  sei  quem  pendurou  as  placas

Quem  fez  uma  coisa  tão  louca

Até  os  feirantes  na  feira

Penduram  melhor  a  roupa

Muito  tinha  para  escrever

Muito  mais  para  contar

Para  não  ofender  ninguém

Por  hoje  vou  acabar.

 

 

António  Assunção

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por vozdogoulinho às 18:07
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Hugo Mendonça a 3 de Abril de 2012 às 09:05
As verdades devem sempre de ser ditas, e a quem elas servirem, que se deixem de fitas. Abraço

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.links

.as minhas fotos

blogs SAPO

.subscrever feeds